sexta-feira, 28 de junho de 2013

Vale Night para as Mamães



Depois que a gente vira mãe, as prioridades são outras. Pense nos últimos filmes que assistiu (Disney ou Dreamworks??), nos últimos livros que leu (tinham menos de 8 páginas, muitos desenhos e letras bastão??), qual foi a programação do final de semana (parque, zoológico, aniversário de criança?) e a televisão fica ligada em que canal?? Pense direitinho...

Mas tudo isso é bom demais e eu tenho certeza de que nenhuma de nós trocaria por nada! Mas de vez em quando a gente precisa de uma chance para uma programação diferente, não acham? Quem já tem filho, sabe as dificuldades para conseguir uma noite livre. Tem que pedir um "Vale night" para a mãe, para a sogra, para a babá (que agora com a nova lei ficou mais difícil...).

Sair para jantar (e falar das crianças. rs), pegar um cineminha de adulto (e lembrar das crianças. rs), encontrar os amigos (sem as crianças) e por aí vai... Para isso tudo precisamos do "Vale night", que é a chance de uma noite fora de casa sem as crianças. Sorte das mães que podem contar com as avós, tias e outras "voluntárias" (nem sempre esse termo pode ser usado!) para cuidar delas na nossa ausência.


Obs. 1: O "Vale night" é um benefício que toda mãe deveria ter de vez em quando. Quando você for avó, lembre-se de conceder à sua filha ou nora esse benefício também!

Obs. 2: Tá certo que tem mães que usam o "Vale Night" quase todas as noites. Neste caso, eu aconselho que as crianças peçam o seu "Vale Night com a mamãe".


Aproveitem bem! Façam a "night" valer a pena!!
 
 
 

sábado, 15 de junho de 2013

O tapete da família


Chão frio, chão sujo, chão duro... Nossos filhos precisam de um local adequado para brincar, não acham? E que boa surpresa foi quando ganhei o Ginásio do Bebê, um tapete em PDV que já ganhou fama no mundo inteiro e chegou ao Brasil para trazer mais conforto aos nossos bebês.

Logo de início, imaginava que era só para bebês. Mas qual não foi a minha surpresa ao ver meus meninos fascinados pelo tapete. Não queriam sair de cima!! Inventaram brincadeiras infinitas, despejaram milhares de brinquedos, brincaram de procurar detalhes e ver quem achava primeiro e até dormiram no tapete!! Virou o xodó da casa! Até meu marido aproveitou para fazer exercícios nele, disputando com os meninos o "lado dele". É que de um lado, o tapete tem motivos infantis e, no verso, tem um design de madeira que combina com os ambientes da casa!


Os meninos fascinados com o tapete e explorando os desenhos.


O tapete, ou Ginásio do Bebê, como é chamado, tem textura emborrachada, é anti derrapante, resistente, confortável e de fácil limpeza. É... esse tapete só pode ter sido criado por uma mãe... rs

E agora é uma motivação para reunir a família, seja para jogar um jogo, seja para fazer um piquenique e até para ser o chão fofinho da nossa cabaninha!

Aprovado!!







>> Este post foi patrocinado pela Daskom (http://lojadaskom.com.br), que comercializa o Ginásio para Bebês. Mãe para Mães só indica produtos que ela confia e aprova, reforçando o compromisso de confiança e transparência com seus leitores.


terça-feira, 11 de junho de 2013

Música divertida para dormir




 
Que pai ou mãe nunca teve dificuldade em botar o filho para dormir?? Essa é uma hora crucial porque nós estamos cansados também, não é? E cada pai vai inventando um truque. Tem criança que gosta de dormir no colo, outras só dormem com seu cobertorzinho, outras só dormem quando são vencidas pelo cansaço!
 
Seja qual for a sua estratégia, a hora de dormir é um momento de estar junto do filho, trocando carinhos. É um momento bom de ler uma história (eu sempre durmo na segunda página... rs) ou de cantar uma musiquinha (mesmo para a mamãe desafinada!).
 
Cantigas de ninar todo mundo conhece: Boi da Cara Preta, Meu Galinho, Se essa rua fosse minha e outras mais lentinhas são muito boas para o momento. Mas hoje eu vim apresentar uma música do Palavra Cantada, que não sei se vocês já conhecem, que é Boa Noite. Eu adoro essa música, pois ela tem uma letra divertida até para as crianças maiorzinhas. E ao mesmo tempo seu ritmo consegue embalar um bom soninho antes mesmo de terminar os últimos versos. Eu garanto! rs
 
Acompanhem a letra e o vídeo (assistam ao vídeo a partir de 00:28 porque tem a introdução de um programada Tv Cultura).
 
Boa Noite
(Palavra Cantada)
 


 "Gatinha, a mamãe

tá tão cansada
Vê se dorme hoje toda a madrugada
Boa noite, boa noite

Garoto que dá uma de bacana
Faz xixi, escova os dentes e já pra cama
Boa noite, boa noite

Brotinho com você não tem problema
Só não dorme quando vamos pro cinema
Boa noite, boa noite

Iche, e agora a nenê tá com cocô
E a mamãe já foi pra casa do vovô
Boa noite, boa noite

Meu filho se você dormir bem cedo
Amanhã te conto um baita de um segredo
Boa noite, boa noite

Menininha, pra que tanta choradeira
A mamãe já está fazendo a mamadeira
Boa noite, boa noite

Menino não é hora de TV
Não tem essa de programa que você precisa ver
Boa noite, boa noite

Criança eu já tive a sua idade
Também tive que dormir sem ter vontade
Boa noite, boa noite

Bichinha, 'cê é mesmo uma capeta
Você não disse que não ia mais chupar essa chupeta?
Boa noite, boa noite

Menininha você me enrola com pergunta
Bando é bando, Banda é banda, Bunda é bunda
Boa noite, boa noite

Criançada vou cantar a Vaca Amarela
Quem falar primeiro come todo o cocô dela
Boa noite, boa noite

Agora sem nenhuma brincadeira
Vê se dorme e chega de tanta besteira
Boa noite, boa noite

Mil abraços, mil beijinhos, mil carinhos
Durma bem e sonhe só com os anjinhos
Boa noite, boa noite
Boa noite..."

Esta e outras músicas de ninar estão presentes no CD do Palavra Cantada - Canções de Ninar.


 

quinta-feira, 6 de junho de 2013

Paris Jackson: uma reflexão

imagem: www.ego.com.br


Ela foi inventada. Foi sonhada, planejada, mas inventada. Ele escolheu o óvulo, o espermatozoide e a barriga alugada. É provável que até sua cor tenha escolhido.

Pai biológico desconhecido. Sabia quem era sua mãe, que nunca quis saber da filha, pois apenas cumpriu com o que lhe foi contratado. Pai de criação extremamente famoso e de sanidade duvidosa. Vivia escondida e preservada de tudo, de todos e do mundo.

Perdeu o pai ainda criança e ficou conhecida pelo mundo pelo seu discurso no funeral. Ficou famosa sem querer. Entrou na adolescência provavelmente cheia de questões, como toda adolescente, só que com um pouquinho a mais. Tentou suicídio... dizem que mais de uma vez.

Pobre menina rica.



Foto: Instagram / reprodução www.ego.com.br




Leia aqui sobre a história.